“Sob plena irresponsabilidade…” no casamento do ano com os Fear Factory

Uncategorized

Mesmo sem convite oficial e oficioso, o staff Feedback, liderado por El Ditador, em visita à terra do Pinóquio cabo-verdiano, atrás de colaboradores subversivos “la di fora”, conseguiu (ainda por desvendar como) que Burton C. Bell, vocalista dos Fear Factory, jurasse via Skype, que irá num desses dias, assinar o célebre Contrato Oromessa com o Feedback Eventos para um mini-show quase surpresa no casamento do pequenino de nariz a crescer com a cumpridona magricela, filho do barbudo barrigudo, dono da companhia de avionetas que obrigou os TACV a descer os preços dos vôos domésticos. O objectivo é oferecer no dia que nunca mais chega, como presente, os gritos e as guitarradas subversivas da banda que toca a ideia do combate Homem versus Máquina (diz-me o Wikipédia), como quem diz, Noivo versus Cabo Verde. O Feedback sabe via revista feminina da loira de Chelas, que a festinha será no Campus da Universidade de Santiago e que o padrinho será o Magnífico Reitor desta casa de saber subversivo. O Artiletras, revista cultural do não menos metaleiro poeta Vadinho Velhinho, informa-nos que o BMW azul ou verde (não me lembro bem da cor) do outro Zezinho, filhinho querido do Noivo, acabado de chegar do cursinho e instalado na Bolsa de Valores de Wall Street da Achada Santo António, bairro provisório do anti-capitalista, meu chefe de Redacção, será o transporte oficial do evento…

“Transgression” dos Fear Factory será a música da primeira dança dos casados de fresco

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s